.

Relacionado: Bruno Aleixo (cenas do caraças) / Et les choses belles que Portugal a et la france non(2)

por MrCosmos | link do post

 

"Eu nunca tive chulos. Os meus chulos, sabe quem são? Sempre foram?

É os sites da internet e são os jornais. Que se um dia for legalizado isto em Portugal, eles deixam de poder publicar, os jornais."  - Uma prostituta no programa "Linha da frente" - RTP, ontem (link).

 

A prostituição, um negócio com regras mas sem lei, cresce a bom ritmo em Portugal, apesar da crise. Alberga um bom quinhão da imigração na clandestinidade.

As "Trabalhadoras do Sexo" sentem-se reféns dos sites e jornais, jornais estes que não têm pejo em explorar este campo de negócio altamente rentável, taxando este tipo de anúncios com preços bem mais altos do que os restantes. A sociedade, essa encara as "páginas centrais" dos matutinos diários com a maior das naturalidades.

Será mais uma vez o lobby gay a ter que vir defender a sua classe, para que o Bloco de Esquerda - aos saltinhos de tanta excitação! - venha finalmente apresentar um projecto de lei que regule a mais velha profissão do mundo?

 

E já agora, como venderia o Culatra o seu peixe, em pleno século XXI (?) :

 

 

Relacionado: Mitos, mariquices, e paneleirices

por MrCosmos | link do post

 

 

 

Campeã Olímpica, Campeã da Europa e do Mundo, a França domina este desporto com graça e harmonia.

Quer nos Homens quer nas Mulheres.

Vinte anos de sucesso que aliam educação e desporto. Não podem ser mais explícitas as palavras de Philippe Bana da Federação Francesa de Andebol :

"Nunca perder de vista que somos professores de ginástica. É a nossa "traçabilidade". Abandonar a nossa identidade seria declamar o enterro da nossa singularidade."

 

Este post pode ser lido como a continuação de : "A Solidão do guarda-redes de andebol" .

Fonte: Libé, 13 de Jan de 2011, p.18  / Foto: Libé, 30 de Jan de 2011, p. 18

 

Nuno

 

por PortoMaravilha | link do post

 

 

 

Após ter obtido a organização do mundial de andebol em 2015 e, após ter obtido a organização do mundial de futebol em 2022, o Qatar organizará, em breve, os Jogos Olímpicos de Inverno !

 

Nuno

por PortoMaravilha | link do post

 

Algo que me deixa perplexo :

Muitos analistas não repararam que quase toda a imprensa internacional escrita, citando a actualidade de Tunis até ao Cairo, omite o papel da rádio no desempenho dos acontecimentos nestes dois países.

 

Como se a rádio não existisse !

Porquê ?

Nuno

por PortoMaravilha | link do post

 

Chamam-lhe música de intervenção.

"Parva que sou" - a nova música dos Deolinda, estreou no Coliseu do Porto há cerca de duas semanas, cumprindo o espectáculo mais duas repetições naquela sala, e outra no Coliseu de Lisboa.

 

A receptividade do público foi abismal, surpreendendo pelo visto os próprios artistas, que já anunciaram que estão a tratar da masterização do novo tema a fim de ficar disponível nos próximos dias para as rádios e público em geral, sendo que gravações amadoras da música extrapolaram de imediato para as redes sociais online.

Um "novo hino dos Deolinda", dizem, que reflecte as preocupações de uma geração.

Interessante: em vinte anos a questão evoluiu de "rasca" para ... "parva" (?).

Naquele tempo mostrava-se o cu. Hoje cada vez mais, "quem tem cu, tem medo".

 

Edit (14.02.2011): Nem à propósito, anuncia-se um toca à reunir e protestar, aqui.


 

"Sou da geração sem remuneração e não me incomoda esta condição.

Que parva que eu sou!

Porque isto está mal e vai continuar, já é uma sorte eu poder estagiar.

Que parva que eu sou!

E fico a pensar, que mundo tão parvo onde para ser escravo é preciso estudar.

 

Sou da geração casinha dos pais, se já tenho tudo, pra quê querer mais?

Que parva que eu sou!

Filhos, marido, estou sempre a adiar e ainda me falta o carro pagar.

Que parva que eu sou!

E fico a pensar, que mundo tão parvo onde para ser escravo é preciso estudar.

 

Sou da geração vou queixar-me pra quê? Há alguém bem pior do que eu na TV.

Que parva que eu sou!

Sou da geração eu já não posso mais que esta situação dura há tempo demais

E parva não sou!

E fico a pensar, que mundo tão parvo onde para ser escravo é preciso estudar..


--

Relacionado: Um Chá com um cheirinho de Fado, por favor !

por MrCosmos | link do post

 

 

 

Contrariamente ao mercado Japonês que se limita aos Manga e ao dos USA que se limita aos Comics, a França apresenta uma variedade extraordinária de estilos, recusando monolitismo entre géneros.

A 38ª edição do Festival Internacional de BD de Angoulème atestou a afirmação da nona arte em França.

Em 2010, em França, foram publicados 5161 títulos de obras contra 1137 em 2005.

Alimentada por blogs especializados e por uma história ligada a uma sensibilização gráfica de longa data, a BD é hoje uma arte que se afirma de maneira pujante. Mais de 15 000 blogs são dedicados à nona arte.

 

O 38º Festival Internacional de Banda de Desenhada de Angoulème consagrou, entre outros autores, o Argentino Ricardo Liniers e os seus pinguins.

 

Uma Bd a não perder : Macanudo.

Nuno

por PortoMaravilha | link do post

foto perfil.jpg

pauloc.jeronimo@gmail.com

pesquisar
 
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D

2016:

 J F M A M J J A S O N D

2015:

 J F M A M J J A S O N D

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

Controle de invasão ET
comentários recentes
Hand ball is actually a nice game to watch. I firs...
Children are not good with lies. They doesnt know ...
Woww!!! I am glad you have shared this old picture...
Alors, dit-il,Au Revoir ! , dit-elle. Alexandre O'...
Jovem, apesoado, dotado, submisso, procura homem d...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
nice work, I can see your point, I can't agree wit...
.